Como sobreviver a pandemia?

Como passar por uma pandemia sem fechar as portas? 

A situação da pandemia, causada pelo Coronavírus, deixou todo empreendedor em alerta. Incerteza passou a ser rotina para quem trabalha com estúdio de Pilates. 

A insegurança de saber se o estúdio vai abrir ou fechar acaba gerando muita dor de cabeça para os gestores dessa modalidade. Para manter-se no mercado e não ter que fechar as portas, é necessário ter um bom planejamento financeiro, gestão do seu negócio e adaptar-se à nova realidade do mercado, buscando ferramentas para aperfeiçoar-se. 

Para quem não sabe, o planejamento financeiro é parte do plano de negócios de uma empresa, ou seja, o controle correto do dinheiro ganho e gasto. Para termos planejamento eficaz devemos definir prioridades, listar objetivos, estabelecer orçamentos e investir com sabedoria. 

Outro fator importante para um estúdio é ter um capital de giro para emergências. Quem não têm, se viu em maus lençóis. Por isso a necessidade de uma boa gestão financeira do seu empreendimento. 

PUBLICIDADE

Com toda a população em casa, a internet passou a ser utilizada por todos para trabalho, comunicação, estudo, informação e descontração. Para os profissionais de Fisioterapia e Educação Física, ela pode ser utilizada como aliada nesse período, tornando-se uma nova ferramenta de trabalho, pois, adaptar-se às novas tendências do mercado destaca o profissional de sucesso.  

Os instrutores de Pilates, tem como característica marcante a criatividade, a qual deve ser utilizada para reinventar-se, num período como esse. Trabalhar com portas fechadas oferecendo aulas on-line é uma boa ideia para ter uma entrada de dinheiro. Fornecer vídeos ou e-books gratuitos aos pacientes, pensando no seu retorno quando tudo isso passar, também é fundamental para a manutenção do seu negócio. 

Assim como qualquer serviço prestado ao consumidor, você só conquista novos clientes e mantém os seus clientes, quando cria uma conexão assertiva com eles. Por isso, utilizar também das redes sociais para passar informações e dicas pode gerar ganhos futuros. 

Se o estúdio está passando por dificuldades pelo número diminuído de alunos, preste atenção nessas dicas: 

Pandemia – transpareça ainda mais segurança!

Conheça seus clientes e suas necessidades, você precisa saber disso para atendê-los adequadamente. Inspire confiança e faça do seu espaço um local agradável. Saber seus diferenciais fazem a diferença, busque oferecer um ambiente sempre limpo e organizado. Com a situação pandêmica, muitos clientes sentem-se inseguros. Transpareça confiança, divulgue a higienização feita em seu espaço, mostrando que és um profissional responsável com a saúde de todos. Em época de pandemia, tudo isso é muito valorizado.

Aposte em tecnologia na pandemia!

Aposte em tecnologia para seu estúdio de Pilates. Ofereça algo a mais para seus clientes. Isso atrairá a atenção deles para seus serviços e fortalecerá sua posição no mercado. A oferta de materiais gratuitos e atendimento de qualidade incentivam seus clientes a voltarem ao seu espaço em um futuro próximo. Pode levar um tempo, mas quando um possível cliente precisar de um serviço, seu nome voltará à sua mente, graças a ação anterior. 

Capacite a equipe!

Importante você e sua equipe estarem preparados para atender diferentes demandas de pacientes com a pandemia, uma vez que a situação atual abriu novos ramos no mercado, tal como a recuperação de pacientes Pós-CovidInove-se, dedique-se e alcance o sucesso, aproveitando os novos nichos que estão surgindo. 

Se seu estúdio está passando novamente pelo lockdown, aproveite para estudar. Nós, profissionais da área da saúde, temos muito a contribuir com as pessoas nesse momento tão delicado que estamos passando, de pandemia mundial. 

Esteja presente nas redes sociais!

Nas redes sociais, destaque seu profissionalismo, experiência na área, conhecimento e habilidades. É fundamental melhorar ou aprimorar seu marketing digital constantemente. 

Conclusão

Para concluir, a palavra que define para mim a situação atual, de pandemia mundial, é resiliência. Para manter as portas abertas é necessário:

  • Adaptar-se ao medo e às necessidades dos clientes, passando confiança e segurança a eles;
  • Adaptar-se aos gastos no estúdio e, talvez, dependendo da realidade, pensar em redução de custos; 
  • Adaptar-se à internet, trabalhando com vídeo aulas e de forma presencial para não diminuir o fluxo de clientes e a entrada de receita, sempre respeitando os decretos estaduais, municipais ou nacionais. 

Pense em tudo isso!
Abaixo, deixo mais duas reflexões:

“Inteligência é a capacidade de se adaptar a mudança”. (Stephen Hawking) 

“Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta as mudanças.” (Charles Darwin) 

E você, o que tem feito para manter as portas abertas durante a pandemia? Conte pra gente nos comentários.

Carla Scalsavara
Fisioterapeuta
Bem-Estar Studio
@bemestarstudiocn

PUBLICIDADE