O primeiro estúdio: Como pagar?

Montar um estúdio de Pilates: por onde começar?

Você fez a faculdade de Fisioterapia ou Educação Física, especializou-se em Pilates e chegou a hora mais esperada: dar aulas ou montar seu próprio estúdio de Pilates. Você já se perguntou se pretende ser um empregado para o resto da vida ou se tornar um empreendedor de sucesso?

Ganhar R$ 1.000 reais como empregado ou R$ 8.000 como empreendedor? Eis a questão. Ser dono do próprio estúdio requer investimento, sim, mas com um retorno garantido. Ter um estúdio de Pilates é um negócio muito rentável nos dias de hoje, levando em conta que o método está cada vez mais valorizado e reconhecido.

Para quem não tem um investimento inicial, há a possibilidade de financiar 100% um estúdio com todos os equipamentos, com taxas até mesmo abaixo de 1%, sabia? E para quem tem um dinheiro guardado, há a possibilidade de dar uma entrada e fazer o financiamento com menos parcelas.

Há empresas no mercado que enviam os equipamentos antes mesmo de você pagar a primeira parcela, enquanto há outras que só enviam após 40 dias. Tudo depende de pesquisa. Procure pelas empresas que ofereçam vantagens, como os equipamentos a pronta entrega.

Com o estúdio em funcionamento, você vai ver que a parcela paga-se ‘’sozinha’’. Faça os cálculos como se você já houvesse conquistado 40 alunos. Subtraia os gastos mensais e a parcela, veja o quanto sobra. Ainda sobra mais do que se você estivesse trabalhando para outras pessoas, não é mesmo?

PUBLICIDADE
MetaLife Pilates
MetaLife Pilates
MetaLife Pilates
MetaLife Pilates

Ter o próprio negócio é um sonho, mas não precisa ficar só no projeto, viu?